O FOGO – uma curta-metragem por Tiago Santos

O FOGO é um projeto independente filmado em Coimbra, mais precisamente na baixa de Coimbra, em maio de 2021, dando voz a uma realidade urgente, uma realidade plural ainda que retratada no caminho singular de Rui, a personagem cujo dia-a-dia é o alvo desta produção escrita e realizada por Tiago Santos.

Tiago começou a escrever O FOGO – a primeira curta-metragem a adornar o seu portefólio – motivado pelas histórias de amigos e colegas que se cruzaram com a toxicodependência e por episódios que pôde constatar com os seus próprios olhos. Nas palavras do realizador “O FOGO não nasce da suposição do que é um drogado”.  O seu objetivo de pegar em pormenores que sabe serem a realidade de um toxicodependente e passá-los para o ecrã vem com a premissa de quebrar o estereótipo e relembrar o que muitos esquecem: a dependência é uma doença – e virar-lhe a cara perpetua o ciclo. Sem pretensões moralistas ou mensagens subliminares, Tiago Santos inspira-se no realismo para contar a história de Rui, que de poucas palavras precisa, pois as imagens bastam. Assim sendo, não deixa de fora nem o estereótipo, nem o ser humano. 

João Marcelino interpreta Rui. Era a escolha óbvia, não por ser sempre a escolha óbvia devido à amizade e ao gosto por trabalhar em conjunto, mas também porque João Marcelino conhece os casos que inspiraram o filme e outros que, ao fim e ao cabo, estão também representados no filme e a naturalidade com que representa o papel vem de um lugar de imersão na memória afetiva. 

Em conversa com a Má Sorte, Tiago e João contam que, durante as gravações na baixa da cidade, uma mulher abordou-os, falando dos seus problemas com a toxicodependência e parabenizando o projeto que fala por tantas vidas. Um momento que se alinha com a intenção de contar a história plural desta personagem singular e que foi especialmente gratificante para os artistas.

As produções de Tiago Santos, contando também com João Marcelino, não ficarão por aqui. O realizador e o ator confirmam que, depois d’ O FOGO, muitos mais incêndios estão para vir.

Podem assistir à curta-metragem O FOGO na plataforma YouTube, através do link:

Por Lia Cachim

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s