Unlucky Strike

Ana Marques Nogueira

Golpear a máquina da existência viciada
de forma a destravar
-o lucky number-
Limpar o cano do revólver,
correr por debaixo de três escadotes;
subir uns quantos de encontro a Ícaro
Punho fechado, esmaga
distorce
Corrompe o fumo
Acumula a vida na carne e percebo
A vida como o vicio
(O vicio como a vida)
Se trocar não interessa
Pois no 6 está Satã
(O caótico não é vicio) e
No 3 está o corpo autónomo
do fumante, do pai, da mãe, o meu, o teu, o outro, o mortificado...

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s